buscar

Como a Páscoa pode aumentar as vendas em sua loja?

Atualizado em: 14/03/2018

A Páscoa é uma data significativa para alguns setores do varejo. Para os supermercados, por exemplo, fica somente atrás do Natal, segundo a Associação Paulista de Supermercados (Apas). Um estudo da Associação Brasileira de Supermercados (Abras) indica que 83% dos empresários do setor projetam vendas iguais ou superiores às do ano passado.

Nos shoppings, a data não representa uma oportunidade de negócios apenas para supermercados e lojas de doces. O aumento de fluxo de pessoas gera receita adicional de estacionamento e abre novas oportunidades para abordar consumidores dispostos a comprar. “Nessa época, se beneficiam os lojistas que aproveitam o fluxo de clientes para fazer vendas por impulso, além dos operadores de alimentação”, comenta o consultor Luiz Alberto Marinho, sócio-diretor da GS&Malls. Para ele, quem souber trabalhar bem a data pode ter um bom crescimento nas vendas. “É preciso criar e comunicar ofertas para estimular compras não planejadas, produzindo vitrines relacionadas ao tema e, quando possível, fazendo ações casadas com lojas que vendem chocolates”, explica.

Para Marinho, é essencial fazer o básico muito bem feito. “Um atendimento atencioso, a ajuda na escolha dos produtos, um bom sortimento e preço justo são fatores que compõem uma boa experiência de compra e, muitas vezes, são mais importantes do que entretenimento para crianças ou customização de produtos, dependendo do público de cada mall”, afirma o consultor. Dessa forma, é importante que cada lojista prepare ações dirigidas a seu público, a partir do conhecimento do que eles valorizam.

Outra dica importante é não olhar somente para descontos como forma de atrair clientes. “Ajude o cliente a escolher o produto certo, ofereça tempo a quem quer comprar com calma e estabeleça relacionamento com os clientes. O pequeno lojista pode explorar várias ações que vão muito além do preço e gravam seu nome na mente do consumidor”, finaliza o consultor.